Skip to main content

Digital Controls

As organizações estão a explorar a introdução e a utilização de tecnologias digitais nas suas empresas.

As organizações estão a explorar a introdução e o uso de tecnologias digitais nos seus negócios.

Isto afeta-as a dois níveis.

Em primeiro lugar, a utilização de novas tecnologias digitais expõe estas organizações a riscos emergentes nos seus modelos de negócio e operações.

Em segundo lugar, as novas tecnologias digitais permitem novas formas de prevenir, gerir, detetar e corrigir exposições ao risco nas suas operações. A nossa prática de Digital Controls ajuda os clientes a enfrentar estes desafios através dos nossos serviços de consultoria, ativos digitais e capacitação de tecnologia digital.

As organizações reconhecem que as novas tecnologias digitais, como IA, machine learning, robótica, cloud, Internet of Things e análise de grandes volumes de dados, proporcionam oportunidades para gerir, detetar e controlar riscos de formas inovadoras, o que aumenta significativamente a eficácia e a eficiência. Em muitos casos, as tecnologias digitais permitem a aplicação de técnicas de controlo que antes eram inviáveis. A nossa estrutura de Digital Controls oferece orientação abrangente sobre como empregar novas tecnologias digitais para modernizar as linhas de defesa. Ajudamos os clientes a aplicar tecnologias digitais para renovar aspetos de governance, pessoas e processos no enquadramento de controlo interno.

Quando as organizações “se tornam digitais”, seja em termos de embarcar em modelos de negócio digitais transformadores, ou de transformação digital das suas operações, ficam expostas a novos riscos ou a novas formas de riscos existentes. Usamos a nossa estrutura de Digital Risk para ajudar os clientes a compreender, governar e abordar possíveis pontos problemáticos introduzidos por tecnologias avançadas. Nas iniciativas de transformação digital, salvaguardamos os interesses dos nossos clientes no que diz respeito às exposições ao risco digital, libertando-os para concentrarem a sua atenção na consecução dos seus objetivos digitais estratégicos de forma segura.

A IA e machine learning são cada vez mais usados ​​para auxiliar e melhorar a tomada de decisões de negócios. É, portanto, essencial que as informações obtidas ou as decisões tomadas pelos algoritmos de IA sejam justas, éticas, seguras e explicáveis, especialmente quando afetam a segurança e outros aspetos importantes da vida humana. O nosso enquadramento de Trustworthy AI é usada pelos profissionais Deloitte para investigar os modelos de IA desenvolvidos pelos nossos clientes e oferecer a confiança de que os algoritmos neles contidos funcionam conforme o esperado.

DataStrata

O DataStrata foi planeado para ser um enquadramento de dados end-to-end projetado para ajudar as organizações a construir uma base de dados com integridade suficiente para aproveitar todo o poder dos dados enquanto gere riscos. Através de uma estrutura única e integrada, ajudamos as organizações a impulsionar a responsabilização através da gestão e capacitação de dados com suporte estratégico em risco de dados, conformidade regulamentar, segurança cibernética, cultura e formação, gestão de fornecedores e tecnologia. O DataStrata disponibiliza os projetos, arquitetos, ferramentas e processos para que a sua organização aproveite todo o potencial dos seus dados.

A sua abordagem ao risco digital é adequada para a era digital?

A transformação digital eficaz requer mais do que apenas implementação de tecnologia. Ao aplicar nove óticas de risco, explore as considerações de toda a organização que ajudam a construir a confiança digital. De que ótica precisa?

Novos ecossistemas digitais, modelos de negócios e serviços

Novos modelos de negócios e serviços utilizam parceiros e fornecedores de formas diferentes.

A mobilização rápida pode confundir as linhas de visibilidade nas diferentes partes do seu negócio, criando um novo ecossistema digital e um cenário de ameaças cada vez mais complexo.

Questões para se perguntar

  • Sabe com quem está a fazer negócios?
  • Com que rapidez os controlos podem ser reportados através da sua cadeia de abastecimento?
  • Quantos dos seus fornecedores usam a cloud para hospedar os seus sistemas?
  • Sabe quem tem os seus dados de cliente neste momento?

Experiências e engagement

No nosso mundo digital, as notícias, boas ou más, viajam mais longe e mais rápido.

Precisa transformar a forma como interage com os seus stakeholders – parceiros, clientes, funcionários e reguladores – em apoio à transformação digital, para garantir que está a produzir resultados positivos para todos.

Questões para se perguntar

  • A sua adoção da tecnologia digital está a excluir alguém?
  • O seu investimento em tecnologia está a alcançar resultados mensuráveis ​​e positivos para os stakeholders?

Ambições e aspirações

Para concretizar as suas ambições estratégicas precisa ter confiança para tomar decisões corretas e rápidas.

A capacidade de articular e quantificar oportunidades e ameaças num mundo digital é um desafio. As forças do mercado flutuam rapidamente e exigem uma abordagem ágil e conectada.

Questões para se perguntar

  • Quer avançar mais rapidamente, mas sente-se impedido por demasiada governação?
  • A sua capacidade de oferecer transformação digital com segurança pode acompanhar as suas ambições?

Mudança do ambiente externo

Precisa atender às demandas dos clientes. Mantenha os reguladores satisfeitos. E posicione-se à frente da concorrência.

Mas os riscos associados à transformação digital estão a levar a um maior escrutínio que muitas vezes está fora de sincronia com a progressão da inovação – dificultando o alinhamento destas prioridades.

Questões para se perguntar

  • Com que rapidez consegue responder às rápidas mudanças no mercado, como novos participantes com diferentes modelos de negócios?
  • Tem a supervisão adequada da sua exposição regulamentar global?
  • Quão perto está dos seus reguladores?

Cultura e liderança

Na era digital, o sucesso pertence às organizações que não apenas entendem o digital, mas também o vivem e respiram.

Os seus líderes precisam ser digitalmente fluentes e rápidos para se adaptarem a riscos digitais novos e familiares. Eles precisam navegar pela evolução digital com confiança.

Precisa inspirar a mentalidade organizacional certa para permitir novas formas de trabalhar e uma cultura que adote o digital na sua essência.

Questões para se perguntar

  • O seu conselho é digitalmente experiente?
  • A sua cultura organizacional está a acompanhar as mudanças nos negócios?
  • A sua empresa tem uma mentalidade que dá prioridade ao digital a todos os níveis?

Branding

Uma marca pode ser resiliente durante décadas, mas destruída em minutos.

A sua presença digital, marca e reputação nunca foram tão importantes, à medida que as utiliza para expandir ou reformular as suas ambições estratégicas.

Questões para se perguntar

  • O que a sua marca diz sobre si e a suas aspirações digitais?
  • Quão resiliente é a sua marca perante uma crise?
  • O que dizem os seus clientes e funcionários sobre a sua empresa (incluindo parceiros da cadeia de abastecimento) online?

Organisation and workforce

Your digital success rests on building a workforce that is fit for the future.

Across your organisation you need to ingrain digital fluency without compromising on security. You need a workforce that is agile and able to keep pace with the speed of digital change.

Your risk and controls teams have a new role to play in this digital world. They must be at the heart of the digital transformation agenda, equipped and empowered to drive organisational value.

Questions to ask yourself

  • Are your Risk and Control teams holding you back?
  • Does your workforce understand the digital world and their responsibilities?
  • Is your workforce agile, secure and resilient?

Operações empresariais

O investimento em operações empresariais de back-end, processos e novas tecnologias é essencial para atingir os seus objetivos estratégicos.

Porém, a sua gestão de riscos deve acompanhar uma operação mais dinâmica e automatizada e, na maioria das vezes, isso é uma reflexão tardia.

Questões para se perguntar

  • A gestão de riscos está incorporada desde o início da transformação digital?
  • Alcançou o equilíbrio certo entre a garantia pós-evento e a monitorização antes do evento?

Plataforma, dados e infraestrutura

Os sistemas, a tecnologia e os dados que representam digitalmente os seus clientes, potenciais clientes, parceiros e fornecedores estão a mudar rapidamente.

Mas à medida que evolui digitalmente, a sua infraestrutura herdada pode bloqueá-lo.

Questões para se perguntar

  • Como monitoriza a sua dívida de controlo técnico?
  • Gasta-se o suficiente para assegurar novas tecnologias?
  • Está confiante sobre onde estão os seus dados e quem está a aceder a eles?

Prémios e Reconhecimentos

Leia o que as empresas de análise independentes como a Gartner, Forrester, IDC e outras estão a dizer sobre a Deloitte.