Skip to main content

Créditos de carbono e novas oportunidades de investimento

Apoio na mitigação dos efeitos das mudanças climáticas, impulsionando transformações positivas

O conceito de soluções baseadas na natureza (SBN) foi mencionado pela primeira vez em 2008 pelo Banco Mundial, ele surgiu da busca por soluções inovadoras capazes de gerirem os sistemas naturais, equilibrando os benefícios para a natureza e para a sociedade.

Ativos financeiros e soluções baseadas na natureza (SBN)
 

Os ativos financeiros criados a partir de soluções baseadas na natureza (SBN) foram desenvolvidos com o objetivo de destravar os investimentos em SBN, tendo em vista atingir a neutralidade climática e reverter a perda de biodiversidade.

Créditos de carbono e de biodiversidade, e pagamentos por serviços ambientais são considerados "ativos financeiros” de acordo com sua natureza, quando são reconhecidos e emitidos a partir das metodologias dos programas de registro (por exemplo: Verra, GoldStandard, ONU, Instituto Life, The Wallace Trust etc.); ou, com a finalidade de investimento de impacto, quando podem ser negociados no mercado voluntário ou regulado (mercado de compliance).

Também é possível participar desses investimentos por meio de fundos ligados à preservação ambiental (fundos verdes), certificados de operações estruturadas (COEs) atrelados a contratos futuros de crédito de carbono ou de biodiversidade e tokens específicos disponibilizados no mercado.

 

Em que momento estamos?
 

Atualmente, existe também um grande movimento dos países signatários do Acordo de Paris (2015) para estabelecerem metas cada vez mais ambiciosas na redução de emissões de gases de efeito estufa. Europa e Canadá, por exemplo, demonstram maturidade nesse processo, enquanto outros países ainda se encontram em fase de definição dessas metas.

A combinação delas com a crescente pressão de investidores, reguladores, governos, consumidores e outras partes interessadas, tornou a atuação em sustentabilidade, incluindo questões climáticas, um tema imperativo para as organizações. O aumento da temperatura global já representa uma ameaça direta a todas as operações, o que torna necessário a implementação de ações o quanto antes.

Como podemos ajudar
 

Os créditos de carbono surgiram para apoiar a compensação das emissões residuais das organizações após o esforço de descarbonização. Nesse sentido, a Deloitte apoia na identificação dos tipos de projeto que possuem o melhor custo-benefício nessa jornada em busca do net zero.

Nosso conjunto de soluções foi desenhado para apoiar as organizações de ponta a ponta, incluindo a análise de viabilidade de cada projeto, a captação de recursos financeiros, a elaboração do documento project description (PD), o acompanhamento e o monitoramento da implementação do projeto, e a comercialização dos créditos de carbono emitidos. A seguir, conheça os projetos disponíveis.

Tipos de projetos de originação de créditos de carbono de acordo com as Soluções Baseadas na Natureza (SBN)

Projetos que resultam na redução de emissões provenientes de desmatamento e degradação florestal, proporcionando o aumento da conservação, o incremento dos estoques de carbono e o manejo sustentável de florestas.

Projetos para desenvolver o plantio de florestas em áreas degradadas ou não florestadas.

  • Florestamento: aplicável às áreas naturalmente não florestadas há pelo menos 50 anos.
  • Reflorestamento: aplicável às áreas que sofreram desmatamento há pelo menos 10 anos.

Projetos para reduzir as emissões de gases do efeito estufa (GEE) na agricultura e pecuária. Eles podem ser implementados por meio de:

  • Manejo sustentável de pastagens e recuperação de áreas degradadas;
  • Uso de técnicas de agricultura de baixo carbono (técnicas de plantio direto, rotação de culturas e o uso de fertilizantes orgânicos visando reduzir a emissão de GEE).

Projetos para reduzir as emissões de gases do efeito estufa (GEE) por meio de iniciativas de conservação e restauração de ecossistemas marinhos e costeiros. Eles podem ser implementados por meio de:

  • Atividades de conservação de áreas naturais;
  • Restauração de áreas degradadas;
  • Manejo sustentável de recursos naturais.

Por que a Deloitte?

 

Temos compromisso de criar oportunidades e mostrar o caminho para um mundo mais sustentável. Nossas soluções surgem para entregar governança e integridade aos nossos clientes e à sociedade como um todo, por meio de projetos que permitam a conservação do meio e a valorização dos seres.

  1. Integridade: serviços em condições que asseguram a alta integridade na originação e na análise de ativos financeiros a partir de SBN;
  2. Governança: transparência, responsabilidade, rastreabilidade e melhoria contínua;
  3. Créditos de impacto: robustez nos cálculos e critérios rígidos de adicionalidade dos projetos;
  4. Desenvolvimento sustentável: alinhamento aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs) das Nações Unidas e contribuição direta para a transição à economia de baixo carbono (ODS 13) e recuperação dos serviços ecossistêmicos (ODS 14 e 15).
  • Experiência: de acordo com o relatório “Green Quadrant: ESG & Sustentabilidade Consulting Services 2024”, elaborado pela Verdantix, somos líder de mercado em serviços de ESG e sustentabilidade. Por isso, nossa meta é apoiar os clientes a construírem confiança, resiliência e segurança, além de permiti-los crescer e inspirar com seus resultados ambientais e sociais positivos.
  • Presença global: temos uma rede global, presente em mais de 162 países, de especialistas em auditoria contábil, assuntos tributários e consultoria empresarial e de sustentabilidade.
  • Baixo carbono: transformar a economia para um futuro de baixo carbono exige ampla coordenação e colaboração em todos os setores e geografias – e nós podemos apoiar nesse processo graças a nossa presença global.
  • Mudanças climáticas e resiliência: nossas estratégias permitem que as organizações meçam e gerenciem o impacto não financeiro de suas operações, além de permitir que envolvam-se na criação de valor a longo prazo por meio de financiamentos sustentáveis. Apoiamos, ainda, na integração da sustentabilidade na estratégia do negócio.