Pular para o conteúdo principal

O guia do CISO para a inteligência artificial generativa

Oportunidades, resultados e a urgência do agora

Quando se trata de segurança cibernética, a IA generativa (GenAI) é uma promessa para organizações que precisam se proteger, criar ferramentas para automatizar relatórios e inteligência, reduzir custos, crescer com mais eficiência e lidar com a atmosfera regulatória variada e em constante mudança.

 

Mais rápida, fundamentada e capaz de processar mais informações do que um ser humano, a inteligência artificial generativa oferece uma análise de incidentes quase em tempo real. Além disso, possui um imenso potencial para fortalecer a segurança cibernética das organizações, tornando as investigações mais eficientes e acelerando as avaliações de risco. Com governança adequada e implementação estratégica, as lideranças cibernéticas podem aproveitar a GenAI para reforçar a sua organização contra violações, abordar a escassez de talentos e desenvolver roteiros eficazes para detecção e resposta a ameaças.

O artigo “The CISO’s guide to Generative AI – Opportunities, results, and the urgency of now” explica como o sucesso da integração da GenAI em uma estratégia de segurança cibernética depende de duas coisas: a capacidade da organização de imaginar uma parceria de inteligência colaborativa entre humanos e máquinas; e sua capacidade de fazer as perguntas certas. Estabelecer confiança no impacto da GenAI envolve compreender completamente as suas capacidades e reconhecer o seu poder e potencial para gerar resultados transformadores.

Did you find this useful?

Thanks for your feedback

Se você quiser ajudar a melhorar ainda mais o Deloitte.com, preencha o formulário Pesquisa de 3 minutos