This site uses cookies to provide you with a more responsive and personalized service. By using this site you agree to our use of cookies. Please read our cookie notice for more information on the cookies we use and how to delete or block them.

Bookmark Email Imprimir esta página

E+FR

Prémio


Homens e mulheres integram, interagem e constroem o mundo profissional e a vida familiar, mas estas duas vertentes não são necessariamente antagónicas, pelo contrário, são realidades que devemos conciliar na procura de equilíbrio e estabilidade pessoal, familiar, profissional e social.

Pela quinta vez consecutiva, a iniciativa “Empresa Mais Familiarmente Responsável” promove a conciliação, de forma positiva e gratificante, entre as vertentes familiar, profissional e pessoal, reconhecendo o seu papel fundamental para o bem-estar de cada um.

Esta iniciativa desenvolve anualmente um estudo que tem como objectivo reconhecer as melhores práticas das empresas da área das políticas familiares a operar em Portugal, designadamente, no que se refere a flexibilidade de tempo, benefícios sociais e apoio profissional ao colaborador e à sua família.

Cada ano são convidadas a integrar este estudo cerca de 1000 empresas que participam através do preenchimento de um questionário. Os dados são posteriormente tratados, e destes resulta uma análise que é partilhada com o universo das empresas que participaram no inquérito.

As dimensões a avaliar focam-se sobretudo em:

  • políticas de flexibilidade;
  • serviços de apoio à família;
  • formação e desenvolvimento;
  • iniciativas inovadoras;
  • valores culturais da organização;
  • responsabilidade familiar como tema de interesse corporativo.

De edição para edição, o estudo tem vindo a revelar que, na maioria dos casos, esta estratégia empresarial procura conservar o potencial humano crítico da empresa, pacificar relações laborais, aumentar a motivação e a produtividade dos colaboradores pelo que, num horizonte mais vasto, a empresa assume esta vertente como parte da sua responsabilidade social, tendo em vista uma sociedade mais justa, pacífica e potenciadora de melhores recursos humanos.